The Soaked Lamb “Hats and Chairs”

O nome The Soaked Lamb nasceu em 2006 da habitual ementa de domingo (ensopado de borrego) da casa onde gravaram o primeiro disco, "Homemade Blues", um disco de música artesanal gravado ao longo de quase um ano.

O nome The Soaked Lamb nasceu em 2006 da habitual ementa de domingo (ensopado de borrego) da casa onde gravaram o primeiro disco, “Homemade Blues”, um disco de música artesanal gravado ao longo de quase um ano.

Para além de já terem tocado por todo o país, participaram ainda em bandas sonoras de filmes, com destaque para a longa “A Arte de Roubar” de Leonel Vieira, e em anúncios publicitários.

Há cerca de um ano e meio, iniciaram as gravações do segundo disco, com características mais eclécticas que o primeiro registo da banda. É composto, exclusivamente, de 13 temas originais e totalmente gravado em estúdio (índigo) apesar de ser, tal como o outro, feito à mão.

Fortemente inspirados pela música americana das décadas de 20 a 40, especialmente jazz e blues, não evitaram coisas mais modernas, algumas eléctricas, e referências étnicas. As músicas foram feitas devagar, mas exibem uma panóplia de ritmos que vão da valsa ao swing.

Os The Soaked Lamb não são imunes ao que se passa à sua volta, à contemporaneidade, mas preferem tocar sentados. No fundo, compõem com uma lentidão que não é nada moderna. Eles não tem tempo para ter pressa, fazem as músicas como eram feitas há setenta ou oitenta anos atrás, com o cuidado de quem faz uma melodia para durar e não um ritmo para trepar os tops. Os concertos passam-se sentados, o público e a banda. Tocam a cores, mas soa a preto e branco. Todos usam chapéu, mas já houve um elemento que tocou, contra todas as regras, de sandálias.

Por tudo isto, o nome do segundo disco da banda, que estará à venda nas lojas a partir de 5 de Abril, não podia ser mais evidente: “Hats & Chairs”. Foi misturado e masterizado por Branko Neskov e tem diversos convidados como Nuno Reis (Funk Off And Fly, Mercado Negro, Cool Hipnoise), Pedro Gonçalves e Tó Trips (Dead Combo) e Jorge Fortunato (49 Special).

www.myspace.com/thesoakedlamb

Também poderás gostar



Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.