inpakt, for a good cause

No ano Europeu do voluntariado, existem muitas iniciativas de promoção de voluntariado e acção social pouco ou nada divulgadas como é o caso do Inpakt.com, projecto criado por um jovem português.

No ano Europeu do voluntariado, existem muitas iniciativas de promoção de voluntariado e acção social pouco ou nada divulgadas como é o caso do Inpakt.com, projecto criado por um jovem português.

O Inpakt.com foi a primeira rede social online a ser criada para qualquer organização e voluntário da União Europeia. Já disponível em 7 línguas, o Inpakt.com fornece uma ferramenta gratuita para gestão e qualificação de voluntários com  georreferenciação.

O Inpakt.com foi oficialmente lançado no dia 21 de Março de 2009. Já conta com cerca de 12.500 membros inscritos e 40 instituições a nível nacional.

A plataforma detraduções baseada na funcionalidade do Facebook, permite que qualquer membro possa traduzir o Inpakt.com para a sua língua materna ou outra. O sistema de votos em comunidade, permite uma filtragem das melhores traduções submetidas pelos membros.

A utilização decartografia digital Google Maps, permite a rápida procura de acções de voluntariado próximo da localização geográfica do membro registado.

Por ser uma comunidade online, cada membro tem também a possibilidade de colocar vídeos e tópicos de fórum para discutir determinado tema de interesse.

A criação de umperfil de membro, vai ajudar as instituições a filtrar os voluntários que se inscrevem nas suas acções pontuais ou contínuas. Deste modo, o projecto visa aumentar a credibilidade do voluntário inscrito em futuras acções, diminuindo custos e tempo de formação desnecessária por parte da instituição para o qual o voluntário se inscreveu, criando assim um Curriculum Vitae de voluntário.

A terceira versão, vai já contar com sistemas de donativos centralizados via Easypay e com a possibilidade de inscrição / registo via Facebook Connect. Os membros inscritos poderão também doar os pontos acumulados ao longo das diversas participações em acções de voluntariado, às instituições registadas no Inpakt.com.

Os utilizadores que forem programadores, poderão desenvolver aplicações com acesso a estrutura à base de dados central do Inpakt.com de modo a estenderem a sua funcionalidade. Esta linguagem, o IML (Inpakt Markup Language), vai permitir a construção de aplicações complexas que poderão ser “instaladas” no perfil de cada instituição a pedido, e adicionadas a um repositório de aplicações que poderão ser mantidas pela comunidade.

As relações de amizade criadas entre os diversos utilizadores registados, vem fomentar as boas práticas exercidas no meio da responsabilidade social.

A Alt.Option, parceira de servidores do Inpakt.com, vem providenciar mais servidores durante o lançamento da terceira versão do projecto de forma a contrabalançar a explosão de tráfego que surge em cada novo lançamento de funcionalidades ou restyling.

Tags from the story

Deixa-nos o teu comentário: