Esporão ganha prémio platina na categoria packaging

[wide][/wide]

O design da garrafa da aguardente Magistra, próxima da volumetria de um perfume e apresentada numa caixa de madeira de linhas depuradas, valeu ao Whitestudio o prémio platina, na categoria “Packaging” (embalagens) no “Graphis: 100 Best in Design 2012 Winners”. Eduardo Aires, que fala de si como “o designer que gosta de livros e de vinho”, foi o autor do packaging da Magistra, distinguido pelo júri como uma embalagem exclusiva, diferenciada e elegante.

Os prémios Graphis estão entre os mais disputados, em todo o mundo, sendo os vencedores seleccionados entre milhares de projectos a concurso, de centenas de designers conceituados. Anualmente são atribuídas apenas 10 platinas, um indicador que demonstra a relevância da distinção. O “Graphis: 100 Best in Design 2012 Winners” é um evento incontornável no panorama das artes visuais, sendo Eduardo Aires o primeiro português a merecer esta distinção, na categoria “Packaging“.

A aguardente vínica velha Magistra, da qual foram feitos apenas 2.500 litros pelo Esporão, possui também ela uma forte identidade, em que aromas e sabores a afirmam e tornam absolutamente única. Com origem na Lourinhã, uma das três únicas Regiões demarcadas do mundo (a par de Cognac e Armagnac), resultou da selecção das melhores aguardentes vínicas velhas de 1989, 1990, 1995 e 1996, que permaneceram em balseiro de madeira até 2008.

Para Eduardo Aires, criar o packaging da aguardente Magistra foi um processo “muito confortável, em que senti a confiança que o Esporão depositava no meu trabalho”. Director Artístico e responsável pelo White Studio, Eduardo Aires é professor na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e, ao longo das últimas décadas, tem desenvolvido a imagem de muitos dos produtos Esporão, tanto de vinhos como de azeite.

Também poderás gostar



Tags from the story
, ,

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.