“Noetic Corpus: Sojourn of the Soul”, de Predrag Pajdic na The Wrong Weather Gallery

[wide][/wide]

A Wrong Weather tem o prazer de apresentar a exposição de fotografia “Noetic Corpus: Sojourn of the Soul”, de Predrag Pajdic que inaugura a 3 de Março e estará patente até 31 de Abril de 2012 na The Wrong Weather Gallery situada na Avenida da Boavista nº 754 no Porto. Sem hesitações, o trabalho do artista traça uma linha entre o consciente e subconsciente, trazendo à luz o que vive na sombra, nunca se limitando a instantâneos de uma história da qual todos participamos. Este conjunto de peças contém todo o luxo que associamos com este artista, uma alegre confirmação da possibilidade de um trabalho sofisticado, comum rigor intelectual sempre acompanhado de modéstia e simplicidade.

Na noite de abertura da exposição vamos também poder ver uma performance. “Alis volat propris”, por Predrag Pajdic e com a colaboração de Nathan Hanford. Durante várias horas as asas vibrantes de 300 borboletas são meticulosamente fixadas num corpo nu masculino, deitado numa mesa branca. Quando a representação da transformação para um novo ser se completa, o “mensageiro” é personificado; cada asa transportando a rede de todas as memórias e desejos humanos. Os membros da audiência são convidados, um a um, a sussurrar um desejo na sua orelha antes de esta figura partir, com a libertação de borboletas vivas.

O texto emotivo que acompanha as imagens que ilustram Alis volat propris diz-nos: “Voo com as minhas próprias asas mas as minhas asas pertencem a pequenas coisas que pousam num lugar, num corpo, de tal beleza que ousa agarrar os fragmentos de sonhos e desejos. Os corajosos. Tanto na exposição como na performance existe sem dúvida uma honestidade familiar sobre o trabalho e entrega de Pajdic. A integridade e originalidade estão presentes em tudo quanto ele faz e a qualidade do resultado nunca deixa de nos satisfazer. Embora isto implique que o trabalho é, em si, suficiente, podemos garantir uma coisa: se o espectador nunca é deixado em falta, porque existe um sentimento de plenitude, fica sempre o desejo de ver mais deste vibrante artista internacional.

Tags from the story
,

Deixa-nos o teu comentário: