O Boundless Sangue Novo

Uma vez mais, a ModaLisboa apresenta os finalistas de mais uma edição do Sangue Novo. Oito designers portugueses da nova geração trabalham sobre as suas ideias, desafios e contemplações para através delas lançar um acervo criativo, que sirva como reflexo do mundo em que vivemos e do futuro sem restrições que pretendemos criar.

Nesta levada, Alexandre Pereira, Carolina Machado, João Oliveira, Liliana Afonso, Mariana Laurência, Micaela Sapinho, Rita Afonso e Rita Carvalho são os designers selecionados. Eles que são o resultado de uma sociedade global, em que todos facilmente influenciam todos, mas em que poucos verdadeiramente se deixam influenciar.

Desde o Noise de Alexandre Pereira, à mudança proposta por Carolina Machado com Change, não esquecendo o conflito de Rita Carvalho em Nope, esta será mais uma oportunidade única para saber como bate o coração dos nossos jovens designers e de que forma as suas coleções exprimem um modelo boundlesss onde eles são os protagonistas. João Oliveira inspira-se nas imagens da Google Street View, Mariana Laurência nos peepshows, Liliana Afonso na arte de Vhils e Mario Ceroli. Micaela Sapinho revela Me Myselfie & I, em que satiriza a obsessão pela selfie da vida contemporânea; e Rita Afonso inspira-se na manifestação de Clarice Lispector: “Se tenho que ser um objeto, que seja um objeto que grita”.

O vencedor da melhor coleção desta edição do Sangue Novo, receberá um prémio da ModaLisboa no valor de 5000 euros e um summer sourse oferecido pela prestigiada academia de moda Domus Academy, em Milão. Um dos designers será convidado a representar Portugal na próxima edição do Festival de Moda holandês, FashionClash, a realizar na cidade de Maastricht, em junho de 2017.

As coleções Sangue Novo serão apresentadas no dia 10 de março, às 18h30, no Centro Cultural de Belém.