BES Revelação inaugura com obras inéditas de jovens artistas portuguesas

Mónica Baptista
A exposição BES Revelação 2010, uma selecção de trabalhos inéditos no campo da fotografia de quatro jovens artistas nacionais, comissariada por Margarida Mendes, é inaugurada dia 4 de Março, às 19h30, no espaço BES Arte & Finança.
Mónica Baptista

A exposição BES Revelação 2010, uma selecção de trabalhos inéditos no campo da fotografia de quatro jovens artistas nacionais, comissariada por Margarida Mendes, é inaugurada dia 4 de Março, às 19h30, no espaço BES Arte & Finança.

Trata-se de uma oportunidade única para tomar contacto com um conjunto de obras inéditas de Carlos Azeredo Mesquita, Eduardo Guerra, Miguel Ferrão e Mónica Baptista, os vencedores por unanimidade do júri. Esta mostra vai estar patente até 12 de Maio no BES Arte & Finança e pode ser visitada, gratuitamente, nos dias úteis, das 9h00 às 21h00.

O BES Revelação, prémio que apoia a jovem produção artística nacional, numa parceria entre o Banco Espírito Santo e a Fundação de Serralves, distingue anualmente jo­vens artistas que operam no campo amplo da fotografia, através da atribuição de bolsas de produção e da realização de uma exposição colectiva no Museu de Serralves.

Na sexta edição do BES Revelação apresentam-se propostas que, convergindo embora no questionamento da disciplina da fotografia, se revelam bastante distintas, tanto pela exploração dos meios uti­lizados – o vídeo, o texto projectado ou lido, a fotografia, a escultura ou o filme de 35 mm – como pelos respectivos métodos de pesqui­sa. Os temas subjacentes aos trabalhos apresentados apontam para campos tão vas­tos como a origem da experiência como motor da percepção fenomenológica, a apropriação serialista enquanto método, a narrativa au­tobiográfica num sentido amplo e abstracto, bem como a potencialidade do relato ou os limites da representação.

Tags from the story

Deixa-nos o teu comentário: