Replay, uma aventura com 30 anos

Em 1981, Claudio Buziol fundou a sua empresa começando uma aventura que em pouco tempo se transformou na marca REPLAY, hoje em dia uma das principais marcas mundiais de denim e vestuário casual e elegante.

Em 1981, Claudio Buziol fundou a sua empresa começando uma aventura que em pouco tempo se transformou na marca REPLAY, hoje em dia uma das principais marcas mundiais de denim e vestuário casual e elegante.

Trinta anos depois, e para celebrar este aniversário da marca, a REPLAY dedica aos seus fãs uma edição especial limitada de peças denim, composta por um par de jeans de cinco bolsos e uma camisa em versão feminina e outra masculina. Esta edição, composta por 4 peças, é limitada a 500 conjuntos.

Os jeans surgem em modelo único. Versão lavado simples, denim com tratamento desbotado, para um look vintage, e em lavado azul médio para um look 3D. Os 30 anos da Replay são celebrados com a inserção de pormenores apelativos como é o caso de uma fila de botões e um rebite prateado na parte lateral do quinto bolso. O modelo será corte a direito tanto para homem como mulher.

Em linha com as tendências actuais, a camisa para homem é um modelo de corte clássico ao estilo do vestuário de trabalho, em algodão especialmente produzido para a Replay pela famosa US Cone Mills que usa máquinas para trabalhar tecidos em denim. A versão para mulher é um modelo de corte justo ao estilo Western. O lavado azul médio confere-lhe um aspecto 3D. Ambas as camisas têm um peso calibrado de modo a poderem ser usadas todo o ano. A alusão aos 30 anos da Replay surge através de uma série de estampados e da inclusão de um botão prateado no pequeno bolso da frente.

As peças deste conjunto serão vendidas num pacote especialmente preparado e numerado juntamente com dois lenços – um grande e um pequeno – e um cinto.

A apresentação oficial da Replay 30 Anos terá lugar na próxima BREAD&BUTTER, em Berlim, onde a marca vai estar presente uma vez mais num dos principais espaços deste evento.

Um aniversário deve ser sempre um novo ponto de partida, nunca um ponto de chegada. No nosso caso, constitui, pura e simplesmente, uma oportunidade de reflectir sobre essa incrível aventura iniciada por Claudio Buziol e sobre o legado que deixou em termos de entusiasmo em experiência, permitindo-nos apontar com maior elan para o futuro, com a força de um sonho partilhado e cientes de que a nossa história e a nossa tradição irá permitir-nos encontrar os novos desafios que o mercado coloca”, declarou Matteo Sinigaglia, CEO da Fashion Box.

Tags from the story

Deixa-nos o teu comentário: