Em Belém para ver “As far as I can see”
[wide]The mirror suitcase man [/wide]

Inaugura hoje As far as I can see, a exposição sobre a obra vídeo de Rui Calçada Bastos. O artista português residente em Berlim apresenta nesta mostra um núcleo de cerca de vinte trabalhos, concebidos desde 1999 a 2012, onde se destacam The Mirror Suitcase Man (2004), Studio Contents  (2004) e If you`re going through hell keep going (2012), entre outros.

A exposição tem entrada gratuita e estará patente até 26 de Maio na Ermida Nossa Sr.ª da Conceição de Belém.

Subscribe

Subscribe now to our newsletter

Ao clicares nesta caixa, concordas (SIM) com os nossa política de privacidade e armazenamento dos teus dados para (e somente) envio te publicações periódicas sobre os conteúdos que publicamos na Janela Urbana.