Em Belém para ver “As far as I can see”

A exposição sobre a obra de Rui Calçada Bastos transforma a Ermida Nossa Sr.ª da Conceição numa sala de cinema.
[wide]The mirror suitcase man [/wide]

Inaugura hoje As far as I can see, a exposição sobre a obra vídeo de Rui Calçada Bastos. O artista português residente em Berlim apresenta nesta mostra um núcleo de cerca de vinte trabalhos, concebidos desde 1999 a 2012, onde se destacam The Mirror Suitcase Man (2004), Studio Contents  (2004) e If you`re going through hell keep going (2012), entre outros.

A exposição tem entrada gratuita e estará patente até 26 de Maio na Ermida Nossa Sr.ª da Conceição de Belém.

Deixa-nos o teu comentário: